Star Inn Hotéis

Star Inn Hotéis
Open
Reservas

CLEAN & SAFE

Ver Mais
 

Para mais informações, ver abaixo.

TEM O TESTE NEGATIVO À COVID-19 CONSIGO?

Ver Mais

No seguimento do conselho de ministros de dia 8 de julho 2021, passa a ser exigido no momento do check-in a apresentação de certificado digital ou teste COVID negativo.

Para efeitos de teste, consideram-se válidos:

  • Teste PCR, realizado nas 72 horas anteriores à sua apresentação;
  • Teste de antigénio com relatório laboratorial, realizado nas 48 horas anteriores à sua apresentação;
  • Teste rápido de antigénio na modalidade de autoteste, realizado nas 24 horas anteriores à sua apresentação na presença de um profissional de saúde ou da área farmacêutica que certifique a sua realização e o seu resultado;
  • Teste rápido de antigénio na modalidade de autoteste, realizado no momento, à porta do estabelecimento que se pretende frequentar, sob verificação dos responsáveis por estes espaços.
  • Menores de 12 anos estão dispensados da obrigação de se sujeitarem a testes de despistagem para acesso a locais ou estabelecimentos.

Por favor, note que o hotel não garante disponibilidade de testes no local para compra pelos clientes, pelo que é fortemente recomendado que o teste seja realizado antes de se dirigir ao hotel, ou que se faça acompanhar do seu próprio teste para realizar à chegada. Em situações em que esteja disponível o teste para venda, o mesmo terá o custo de aquisição.

PROCEDIMENTOS DE PREVENÇÃO NAS INSTALAÇÕES

Ver Mais

GERAL

Sinalização e Informação

  • Os clientes poderão tomar conhecimento e acesso ao presente Protocolo Interno relativo ao surto de coronavírus COVID-19 solicitando o dossier Covid-19 junto da Receção do hotel ou consultando aqui.
  • A informação de como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infeção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19 é facultada dentro do hotel ao Staff pela Equipa designada no plano de contingência e poderá obtê-la dirigindo-se à Receção ou contactando pelo telefone 262-780-400 ou via número interno, marcando o nº 9. e solicitando o apoio do Coordenador (Diretor do Hotel ou quem o substitua) ou da Chefia Direta da Receção (Chefe de Receção ou quem o substitua).

Plano de higienização

  • Lavagem e desinfeção, de acordo com o presente protocolo interno, das superfícies onde colaboradores e clientes circulam, garantindo o controlo e a prevenção de infeções e resistências aos antimicrobianos.
  • Limpeza, várias vezes ao dia, das superfícies e objetos de utilização comum (incluindo balcões, interruptores de luz e de elevadores, maçanetas, puxadores de armários).
  • É dada preferência à limpeza húmida, em detrimento da limpeza a seco e do uso de aspirador de pó.
  • Renovação de ar das salas e espaços fechados é feita regularmente.
  • Desinfeção regular da Piscina ou outros equipamentos existentes em SPA’s/Áreas Wellness. Contactar a Receção do hotel para obter informação sobre que serviços estão em funcionamento.
  • Desinfeção do Jacuzzi é feita regularmente com o despejo de toda a água seguido de lavagem e desinfeção; posteriormente, é cheio com água limpa e desinfetada com cloro na quantidade adequada. Contactar a Receção do hotel para obter informação sobre se este serviço está em funcionamento.
  • Nas zonas de restauração e bebidas, a higienização dos utensílios, equipamentos e superfícies foi reforçado e evitada ao máximo a manipulação direta dos alimentos por clientes e colaboradores.
  • Nas áreas de restauração/cafetaria, é assegurada a limpeza eficaz quando sai um cliente e entra outro para a mesma mesa.
  • O balde e esfregona para limpeza do chão são limpos e desinfetados no final de cada utilização. Estes equipamentos são distintos por áreas.
  • Para o chão, a lavagem é realizada com água quente e detergente comum, seguido da desinfeção com solução desinfetante. A limpeza é realizada, no mínimo, 2 vezes por dia.
  • Nas instalações sanitárias, a lavagem é realizada com produto que contém na composição detergente e desinfetante, de modo a tornar mais eficaz a desinfeção. A limpeza do chão é realizada, no mínimo, 3 vezes por dia.
  • A limpeza de áreas comuns e zonas de maior frequência de contacto, incluindo nos espaços onde podem estar crianças a brincar, é reforçada várias vezes ao dia.

Adequação do espaço selecionado para isolamento

  • Os locais de isolamento são os quartos 001 e 004, destinando-se a pessoas que possam ser detetadas como casos suspeitos ou casos confirmados de COVID-19. Estes quartos possuem ventilação natural e sistema de ventilação mecânica, possuem revestimentos lisos e laváveis, casa de banho, stock de materiais de limpeza, máscaras cirúrgicas e luvas descartáveis, termómetro, contentor de resíduos autónomo, sacos de resíduos, sacos de recolha de roupa usada, Kit com água e alguns alimentos não perecíveis.

Adequação das unidades de alojamento

  • Os procedimentos de troca da roupa de cama e limpeza nos quartos contemplam dois tempos de intervenção espaçados e com proteção adequada conforme Protocolo interno.
  • A remoção da roupa de cama e atoalhados é feita sem a agitar ou sacudir, é enrolada no sentido de fora para dentro, sem encostar ao corpo, colocada em sacos específicos fechados e devidamente identificados e entregue ao prestador de serviços de lavandaria.
  • O prestador de serviços de lavandaria apresenta declaração comprometendo-se à lavagem em separado da roupa de camas e atoalhados a cerca de 60ºC, declaração esta que pode ser solicitada na Receção do hotel.
  • Após check-out do cliente, as almofadas são substituídas por outras, devidamente higienizadas e não utilizadas num período inferior a 72 horas.
  • O comando de TV encontra-se protegido em bolsa plástica, devidamente desinfetada após check-out do cliente. O comando de ar condicionado e o telefone são desinfetados após check-out do cliente.

Equipamentos de higienização

  • Dispensadores de solução antissética de base alcoólica ou solução à base de álcool junto aos pontos de entrada/saída, em todos os pisos, à entrada do restaurante, bar, instalações sanitárias comuns e outras áreas comuns.
  • Sabão líquido para lavagem de mãos e toalhetes de papel, em todas as instalações sanitárias.

PARA OS COLABORADORES

Formação:

Todos os Colaboradores receberam informação e/ou formação específica sobre:

  • Protocolo interno relativo ao surto de coronavírus COVID-19.
  • Como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo de infeção relativamente ao surto de coronavírus COVID-19, incluindo os procedimentos:
    • higienização das mãos: lavar as mãos frequentemente com água e sabão, durante pelo menos 20 segundos ou usar desinfetante para as mãos que tenha pelo menos 70º de álcool, cobrindo todas as superfícies das mãos e esfregando-as até ficarem secas.
    • etiqueta respiratória: tossir ou espirrar para o antebraço fletido ou usar lenço de papel, que depois deve ser imediatamente deitado ao lixo; higienizar as mãos sempre após tossir ou espirrar e depois de se assoar; evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos.
    • conduta social: alterar frequência e forma de contacto entre os trabalhadores e entre estes e os clientes, evitando (quando possível) o contacto próximo, apertos de mão, beijos, postos de trabalho partilhados, reuniões presenciais e partilha de comida, utensílios, copos e toalhas.
  • Como cumprir a auto monitorização diária para avaliação da febre, verificação de tosse ou dificuldade em respirar.
  • Como cumprir as orientações da Direção-Geral da Saúde para limpeza de superfícies e tratamento de roupa nos estabelecimentos.

Equipamento – Proteção individual

  • Em número suficiente para todos os colaboradores (consoante a sua função: máscara, luvas, viseira, bata ou avental, touca, cobre-sapatos).
  • A farda dos colaboradores destinada a lavagem é colocada em sacos separados fechados, sendo lavada separadamente pelo prestador de serviços de lavandaria e a temperaturas elevadas (cerca de 60ºC), conforme declaração do referido prestador, que pode ser solicitada na Receção do hotel.

 

Designação dos responsáveis

  • Existe no hotel um colaborador responsável por acionar os procedimentos em caso de suspeita de infeção, que acompanhará a pessoa com sintomas ao espaço de isolamento, prestar-lhe a assistência necessária e contactar o serviço nacional de saúde. Caso necessite de contactar o responsável ao serviço pelo cumprimento das regras de prevenção/atuação e/ou de alerta em caso de suspeita de infeção, por favor dirija-se à Receção ou contacte-nos pelo telefone 262-780-400 ou via número interno, marcando o nº 9.

 

Conduta

  • Os Colaboradores procedem à auto monitorização diária para avaliação da febre, existência de tosse ou dificuldade em respirar.
  • Comportamentos a adotar pelo Staff:
    • manter a distância entre colaboradores e clientes e evitar contactos físicos, incluindo os apertos de mão.
    • não entrar e sair dos estabelecimentos com a farda do estabelecimento.
    • manter cabelo apanhado.
    • desaconselha-se o uso excessivo de adornos pessoais (pulseiras, fios, anéis, etc.).
  • Na entrada de pessoal, existe um tapete húmido para limpar a sola dos sapatos, equipamento este que é regularmente mudado.
  • Pausas e horários de refeições escalonadas para evitar encontros nas zonas de pessoal / refeitórios.
  • Os profissionais de limpeza conhecem bem os produtos a utilizar (detergentes e desinfetantes), as precauções a ter com o seu manuseamento, diluição e aplicação em condições de segurança, como se proteger durante os procedimentos de limpeza dos espaços e como garantir uma boa ventilação dos mesmos durante a limpeza e desinfeção.

 

Stock de materiais de limpeza e higienização

  • Stock de materiais de limpeza de uso único proporcional às dimensões do empreendimento, incluindo toalhetes de limpeza de uso único humedecidos em desinfetante, lixívia e álcool a 70º.
  • Dispensadores ou recargas de solução antissética de base alcoólica ou solução à base de álcool.
  • Contentor de resíduos com abertura não manual e saco plástico.
  • Equipamento ou recargas para lavagem de mãos com sabão líquido e toalhetes de papel.

 

Escalas / Turnos

  • Definição de escalas de serviço e/ou turnos com redução do número simultâneo de colaboradores - A criação de equipas poderá permitir maior controlo das regras de segurança e higiene.
  • Definição de regras/faseamento dos atos de limpeza das unidades de alojamento.

 

PARA OS CLIENTES

Equipamento – Proteção individual

  • Equipamento de proteção individual (kits individuais de proteção com máscara e gel desinfetante, podendo acrescer luvas, viseira ou outros) disponível para clientes, com stock definido em função da capacidade máxima do estabelecimento. Estes equipamentos poderão ter um custo associado. Para obter mais informações, agradecemos que se dirija à Receção do hotel.

 

Conduta

  • Poderá encontrar afixadas em cada área comum ou no dossier Covid-19, disponível para consulta na Receção do hotel, as regras de permanência nos espaços comuns acessíveis a todos (horários de funcionamento e regras de diferenciação de horários de refeições, utilização do Restaurante, Bar, Ginásio, Piscina, Sports Centre, Wellness Centre e outros).

 

PROCEDIMENTOS EM CASO DE SUSPEITA DE INFEÇÃO

Plano de Atuação

  • O colaborador responsável por acionar os procedimentos em caso de suspeita de infeção deve acompanhar o suspeito de infeção ao espaço de isolamento (quartos 001 ou 004), prestar-lhe a assistência necessária e contactar o Serviço Nacional de Saúde (Linha Saúde 24 - 808 24 24 24).

 

Descontaminação do local de isolamento  

  • Descontaminação da área de isolamento sempre que haja casos positivos de infeção; reforço da limpeza e desinfeção sempre que haja doentes suspeitos de infeção, principalmente nas superfícies frequentemente manuseadas e mais utilizadas pelo mesmo, conforme indicações da Direção-Geral da Saúde.
  • O armazenamento dos resíduos produzidos pelos doentes suspeitos de infeção é feito em saco de plástico que, após fechado, é segregado e enviado para operador licenciado para a gestão de resíduos hospitalares com risco biológico.

 

Registo de Incidentes e Ações tomadas

  • O hotel mantém registos atualizados, disponíveis para consulta, das sessões de formação realizadas, bem como dos procedimentos de higiene, desinfeção e saneamento realizados em cada secção da propriedade, pertinentes ao combate ao Covid-19.